Cusquenho

Após a conquista de Cuzco pelos espanhóis em 1534,a pintura “cusquenha” surge como arte eclesiástica e didática, contando com o uso da imagem aliada à palavra para transmitir os ensinamentos do catolicismo. Acreditando na evangelização dos povos da comunidade Inca através da arte, a Espanha envia grupos de religiosos artistas para a criação de obras doutrinárias, formando escolas de pintores índios ou mestiços, com o ensino da arte do desenho e do óleo.

A pintura “cusquenho”, também foi produzida igualmente em outros países andinos, como Equador e Bolívia, entre os séculos XVI a XVIII. A denominação “cusquenho” é devido a capital do Peru, Cuzco, ser o centro do Império Inca. A escola de Cuzco é considerada como o primeiro centro pictórico organizado no chamado Novo Mundo.

A obra apresentava comprometimento importante da camada pictórica com destacamento em algumas áreas, marcas de dobras ocorridas, provavelmente durante o transporte, bem como deformidades decorrentes de intervenções anteriores, tais como, reentelagem à cera e repinte em diversas áreas.

A moldura apresentava rachadura em algumas áreas e o chassi foi feito com madeira inadequada e de tamanho inadequado, devendo ser substituído por madeira nobre.

CHASSI – substituição por um novo (em Cedro) com cruzetas e cunhas que possibilitam a movimentação da obra, evitando assim que a tela volte a se deformar.

OBRA:          Sagrada Família, séc. XVII

AUTOR:       desconhecido

TÉCNICA:    óleo s/tela

MEDIDAS:    100 x 148 cm

Diagnóstico: Sujidades – Xilófagos – Verniz oxidado – Rasgos no tecido – Perda de camada pictórica.

  • Budget:

  • Date:

    Janeiro 18, 2017

Contato